Arquivos da categoria: Pedagogia

PEDAGOGIA – Profissão do futuro

Quando começamos a aprender? Quando nos tornamos alunos? Quando iniciamos a jornada do aprendizado que nos conduzirá a uma profissão?

Pois bem, alguns profissionais acreditam ter começado sua carreira quando ingressaram nos cursos de graduação, onde aprenderam sua profissão – médicos, advogados, enfermeiros, engenheiros, entre tantos outros. Ah, tem professor também. Aliás, tem pedagogo também!

O que vemos, no entanto, é um descrédito, uma visão de “coitadismo” para aqueles que escolhem a pedagogia como carreira; para aqueles que, ao invés de trabalhar, apenas darão aulas.

Quero lembrar a todos que nenhum profissional chegaria à graduação sem ter aprendido pelas mãos de um professor quando estavam na infância e depois na adolescência. Aqui me refiro ao pedagogo, mas reforçando o papel de todo professor, responsável pelas transformações dos saberes de muitos.

Antes para lecionar aos pequenos bastava o magistério, curso em nível médio para formação de docentes. Com a mudança de legislação a pedagogia passou a ser condição necessária para este exercício.

Com isso o olhar para a profissão mudou um pouco, ainda que insistam em menosprezar o papel do pedagogo, do professor, em uma sociedade que se deseja mudar sem a valorização destes profissionais.

A pedagogia é a ciência que estuda os princípios da educação, envolvendo um conjunto de métodos, saberes e processos voltados para a formação integral do ser, para o desenvolvimento do processo (inseparável) de ensino e aprendizagem (quem ensina, ensina algo a alguém) com vistas ao pleno e autônomo desenvolvimento de seus aprendizes.

Por muitas décadas, o pedagogo tinha sua carreira restrita às escolas, no espaço restrito das salas de aula, coordenação ou gestão escolar; sempre com atividades relacionadas ao ambiente escolar, em instituições formais de ensino.

Vale ressaltar que o papel do pedagogo vai além da sala de aula, uma vez que, com formação adequada, ele se torna um especialista em educação, alguém que precisa e deve pensar a educação, propondo caminhos e mudanças para o desenvolvimento integral do ser humano.

Na atualidade, ainda que muitos pedagogos não se apercebam disso, o campo de atuação se ampliou, tendo espaço para atuação no mundo corporativo, junto com o RH, atuando e organizando treinamentos e outras atividades para desenvolvimento profissional; há espaço para atuação em ONGs, na pedagogia social, na pedagogia hospitalar, em museus, em brinquedotecas, na pesquisa e desenvolvimento de mídias educativas, cursos e materiais para ensino presencial ou a distância, além de consultorias, cursos e palestras.

Mesmo diante deste novo cenário, há aqueles que procuram o curso de pedagogia porque gostam de crianças. Isso não é pré-requisito! Pelo contrário aponta um olhar de cuidador e não de um profissional de educação – o pedagogo. É certo que lidar com crianças e adolescentes faz parte do papel do professor, mas não se pode limitar o olhar profissional a isso.

A carreira do pedagogo, assim como a de todo professor, exige rigor em sua formação, pesquisa, aprendizado constante e atuação efetiva na educação, com vistas ao seu desenvolvimento, passando longe da visão romântica de que basta gostar de crianças ou de “dar” aulas.

Ao ampliarmos o olhar para a carreira da pedagogia podemos apontar o seu papel dentre as profissões do futuro pois, sem pedagogos atuando na educação básica não será possível a formação de profissionais em níveis superiores aptos para exercitarem, com qualidade, suas profissões.

Antes de um trabalho de conclusão de curso, o aprendiz precisa aprender a ler e a escrever e esse aprendizado tem início lá na educação básica.

É desta forma que a pedagogia precisa ser vista e respeitada: como uma das profissões do futuro e não com a visão simplista, depreciativa como presenciamos em algumas propagandas e manchetes que colocavam a carreira do professor como um bico ou complemento de renda.

Sem professores não conseguiremos construir uma sociedade justa, igualitária e com pessoas que façam uso de suas capacidades intelectivas para aprender e mudar a sociedade em que se encontram.

Sejamos pedagogos, professores engajados por uma educação melhor e, principalmente, por uma imagem melhor de nossa profissão em uma sociedade que quer caminhar para o futuro.

ROBSON SANTOS, setembro/2017.

Disponível em: <www.professorrobsonsantos.com.br/2017/09/05/pedagogia-profissao-do-futuro/>. Acesso em: 1 out. 2017.

Sobre o professor Robson Santos:

Doutorando em Design, pela Universidade Anhembi Morumbi.

Mestre em Educação, Arte e História da Cultura pela Universidade Presbiteriana Mackenzie

Graduado em Pedagogia pela UNISA.

Ator e Educador Brincante pelo Instituto Brincante.

Especialista em Folclore Brasileiro pela Associação Brasileira de Folclore.

Professor universitário em cursos de graduação e pós-graduação com experiência nas áreas de Educação, Artes e Design, atuando principalmente em metodologias ativas de ensino, cultura popular e pesquisa em design vernacular.

Palestrante motivacional com ampla experiência em desenvolvimento de equipes, liderança e formação de professores.

Tags

OQVCFARIA – Criança agressiva

Hipoteticamente, temos o aluno Marcelo que apresenta um distúrbio de comportamento, a agressividade, e em dado momento atrapalha muito o andamento da aula da professora Ana, que o encaminha para atendimento psicopedagógico. Qual seria, após a entrevista inicial, sua atitude para começar a auxiliá-lo, de maneira que possa rapidamente, melhorar a dinâmica da sala de aula da professora Ana, visto que, durante o tratamento o aluno continuará em sala de aula.

 

Tags , ,

OQVCFARIA

OQVCFARIA?

Criei a seção “OQVCFARIA” para compartilharmos experiências afim de enriquecer nosso repertório nos mais variados assuntos e assim criarmos um compêndio, em especial os relacionados a pedagogia e psicopedagogia. Conto com a participação de todos os leitores, docentes ou não, para que na diversidade de saberes possamos aprimorar ou quem sabe, criar ferramentas e técnicas para utilizar em nosso dia a dia*.
Participe deixando sua crítica, sugestão ou experiência no comentário do tema em debate.
Como funciona?
De acordo com o tema principal (título do post) será apresentada uma situação e sua participação será a resposta/comentário sobre OQVCFARIA na situação apresentada.
Todos usuários do site MRToledo.COM podem participar enviando situações onde desejam conhecer as atitudes diante de um problema, esta é uma ferramenta interessante principalmente para os que estão elaborando monografias, TCCs ou pesquisa.
Desde já agradeço, contando com sua participação!
Marcelo de Toledo

*NOVA ORTOGRAFIA: As palavras compostas que possuem entre seus termos um elemento de ligação representado por uma preposição, artigo ou pronome, já não mais requerem o emprego do hífen. Além da expressão dia a dia, há ainda outras, como: pé de moleque, lua de mel, carne de sol, fim de semana, etc. 😉

Tags ,

Rede UniCEU abre inscrições para 6.600 vagas para cursos gratuitos de graduação

São 33 polos com vagas para Pedagogia, Engenharia de Produção, Engenharia de Computação e Licenciatura em Matemática.

Estão abertas as inscrições para o vestibular dos cursos superiores gratuitos semipresenciais oferecidos pela UNIVESP – Universidade Virtual do Estado de São Paulo por meio da Rede UniCEU/UAB. A iniciativa é da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação com apoio da Secretaria Municipal de Educação (SME).

Serão oferecidas 6.600 vagas, sendo 200 em cada um dos 33 Centros Educacionais Unificados (CEUs) participantes, nos seguintes cursos: Pedagogia, Engenharia de Produção, Engenharia de Computação e Licenciatura em Matemática.

As inscrições vão até 10 de julho devem ser feitas pelo site www.vestibularunivesp.com.br. Mais informações podem ser obtidas no mesmo endereço. 

O vestibular será realizado no dia 23 de julho, das 13h às 18h, e constituído por 60 questões objetivas de Comunicação e Expressão em Língua Portuguesa, Matemática, Ciências Humanas e Ciências Naturais mais Redação. A divulgação do resultado ocorrerá em 8 de agosto.

Confira a relação dos polos participantes da UniCEU:

Polo Cursos Superiores em:
1 UniCEU Água Azul Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
2 UniCEU Alvarenga Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
3 UniCEU Aricanduva Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
4 UniCEU Azul da Cor do Mar Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
5 UniCEU Butantã Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
6 UniCEU Campo Limpo Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
7 UniCEU Capão Redondo Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
8 UniCEU Casa Blanca Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
9 UniCEU Cidade Dutra Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
10 UniCEU Formosa Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
11 UniCEU EMEF Gilberto Dupas Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
12 UniCEU Heliópolis Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
13 UniCEU Jaçanã Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
14 UniCEU Jambeiro Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
15 UniCEU Jardim Paulistano Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
16 UniCEU Meninos Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
17 UniCEU Navegantes Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
18 UniCEU Paraisópolis Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
19 UniCEU Parelheiros Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
20 UniCEU Parque Bristol Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
21 UniCEU Parque São Carlos Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
22 UniCEU Parque Veredas Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
23 UniCEU Pêra Marmelo Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
24 UniCEU Perus Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
25 UniCEU Quinta do Sol Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
26 UniCEU Rosa da China Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
27 UniCEU São Mateus Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
28 UniCEU São Rafael Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
29 UniCEU Tiquatira Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
30 UniCEU Três Lagos Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
31 UniCEU Vila Atlântica Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
32 UniCEU Vila Curuçá Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.
33 UniCEU Vila do Sol Pedagogia; Matemática; Engenharia de Produção; Engenharia da Computação.

Acesse o cartaz de divulgação, que contém endereços e polos e cursos oferecidos, clicando aqui.

Tags , , , ,

Resenha descritiva da palestra: “Inteligência Emocional”

         Como atividade complementar do curso de Administração do Centro Universitário Estácio de São Paulo, apresento um resumo da palestra “INTELIGÊNCIA EMOCIONAL: Sem ela, não dá!” ministrada pela  professora  ROSA MATIAS (diretora da ANNIMUS PSICOLOGIA – Psicoterapia cognitivo-comportamental, R. Prof. Roldão de Barros, 125 – Jardim Malia I, São Paulo – SP, 04823-010, (11) 99954-1372) organizado pelo Centro Universitário Estácio de São Paulo – Unidade Interlagos, realizada no dia 23 de maio de 2017 das 19 às 21 horas no auditório da unidade, situado na Avenida do Jangadeiro, 111 – Interlagos, São Paulo – SP, 04815-020.

         A palestra teve como público alvo, alunos dos cursos de Pedagogia, Letras e Educação Física, porém, foi aberta para todos os cursos e houve forte adesão do curso de Administração.

         Após a apresentação a palestrante inquiriu o público utilizando-se de linguagem coloquial e de fácil compreensão, sobre o que é Inteligência Emocional. Constatado o pouco conhecimento do público sobre o assunto, a palestrante modificou sua abordagem mostrando que seria “mais fácil pensar na falta dela…?”.

      Alguns participantes timidamente opinaram e a palestrante então iniciou uma pequena sessão de meditação guiada e ao som de música inspiracional (do Power Thoughts Clube de Meditação) levou todos a um relaxamento, harmonia e comunhão culminando com todos do público se abraçando e desejando uma verdadeira “Boa noite”.

INTELIGÊNCIA EMOCIONAL:

Capacidade de suportar frustrações, mantendo a motivação e a visão administrativa para alcançar os resultados por meio do relacionamento interpessoal.
Rosa Matias, 2017.

         Dando ênfase as frustrações, mostrou a importância da motivação para alcançar objetivos, conquistar apoio, conseguir o que parecia ser impossível. E para exemplificar utilizou-se de um trecho do filme “Perfume de Mulher”, assistimos a cena em que Frank Slade, um tenente-coronel cego, vivido por Al Pacino, convida uma moça para dançar e recebe a seguinte resposta:

– Não posso, porque meu noivo vai chegar em poucos minutos…
E Frank responde:
– Mas em um momento se vive uma vida!

Em seguida o casal vai para o centro do salão e ao som de “Por Una Cabeza de Carlos Gardel” dançam de forma majestosa.

Analisando o diálogo que precede a dança chegamos a duas conclusões:

         1 – A melhor decisão que podemos tomar é aquela que está por vir. Muitas pessoas passam a vida lamentando o tempo e as oportunidades que perderam, quando ainda têm incontáveis momentos para decidir por algo melhor para si mesmos, e para os outros.

         2 – O sentido da vida não consiste em satisfazer a si mesmo, mas em buscar a felicidade daqueles que estão ao nosso redor.

         Dando continuidade ao tema frustração, a palestrante exibiu uma propaganda do chocolate Stratos, “Precisa-se de um parceiro”. Esta propaganda britânica, que possui uma excelente trilha sonora, inicia com a imagem de um garoto jogando bola sozinho, fica evidente sua “FRUSTRAÇÃO”. O momento vivido pelo garoto possibilitou boa análise sobre a Inteligência Emocional e, foi de grande importância também aos futuros administradores presentes porque foi um belo exemplo da união de uma visão de longo prazo, um plano estratégico bem feito e a execução perfeita!

         Finalizando a palestra explicou os três pilares da “Inteligência Emocional”, de maneira simples e descritiva apresentou um compêndio sobre as emoções que, foram ilustradas  em forma de “balde”, sem dúvida foi uma abordagem interessante e marcante.

         A palestrante esclareceu ao público que esta trata-se de uma palestra preliminar, os que se interessaram e desejam se aprofundar no tema deverão entrar em contato com a professora Rosa Matias afim de matricular-se para o próximo encontro que acontecerá em 1º de julho de 2017, um sábado.

         No encerramento, os aplausos foram intensos por parte do público presente, público este, que, inclusive, aplaudiu de pé, valorizando as experiências socializadas pela palestrante.

Tags , ,